Proteção de Dados

Como a falta de investimento em segurança afeta uma empresa?

A falta de investimento em segurança e uma violação de dados podem ter três grandes consequências: financeira, reputacional e legal.

De fato, a segurança cibernética deixou de ser apenas uma questão de tecnologia para se transformar em um aspecto essencial dos negócios. Já se foram os dias em que empresas podiam passar as responsabilidades da proteção de dados apenas para o departamento de TI. Afinal, ela se tornou estratégica e afeta a todos os setores.

O impacto da falta de investimento em segurança

A falta de investimento em segurança resulta em perdas financeiras substanciais decorrentes de:

  • roubos de informações corporativas;
  • roubo de informações financeiras (por exemplo, dados bancários ou detalhes de cartões);
  • roubos de dinheiro;
  • interrupções de negócios (por exemplo, incapacidade de realizar transações online);
  • perdas de negócios ou contratos;

As empresas que sofrem violações cibernéticas geralmente também têm custos associados à reparação de sistemas, redes e dispositivos.

Isso é especialmente importante, pois as empresas estão cada vez mais digitais, o que significa ficarem expostas a um número maior de ameaças, se não gerenciarem o risco de segurança adequadamente e não realizarem o investimento necessário.

Danos à reputação são maiores que os financeiros

Muitas empresas ainda não perceberam ou mensuraram o real impacto da perda de credibilidade. Sem dúvida a confiança é um elemento essencial no relacionamento com o cliente. Afinal, os ataques virtuais e os roubos de dados podem prejudicar a reputação de sua organização e quebrar totalmente a confiança que o consumidor tem em você.

Isso, por sua vez, pode levar a consequências como:

  • perda de clientes;
  • perda de vendas;
  • redução significativa nos lucros;
  • falência.

O efeito dos danos à reputação por falta de investimento em segurança pode impactar até seus fornecedores, assim como os relacionamentos que você tem com parceiros, investidores e terceiros envolvidos com os seus negócios.

Entender a importância de mudar a mentalidade quanto ao investimento em segurança cibernética se tornou vital. Já que em plena era da transformação digital, as empresas não podem correr o risco de  sofrer um ataque ou não saber como realizar o tratamento de um incidente.

Consequências legais da falta de investimento em segurança

Não podemos esquecer que deixar de investir em segurança também resulta em problemas legais. Afinal, a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) exige que sua empresa gerencie todas as informações pessoais que possui, seja de sua equipe ou seus clientes.

Se esses dados forem acidental, ou deliberadamente comprometidos, e você não conseguir implantar as medidas de segurança apropriadas, poderá enfrentar multas e sanções regulamentares que podem inviabilizar seu negócio.

Recentes violações globais impactaram mais de 200 mil computadores em 150 países e custaram milhões; nada poderia deixar mais clara a importância do investimento em segurança cibernética, pois isso impacta as empresas como um todo, não apenas os departamentos de TI.

O risco de ataques é real e atinge a qualquer empresa

Não basta ler este post, concordar que é preciso investir em segurança e não fazer nada. Já que é preciso ter consciência de que o risco é real e afetará em algum momento o ciclo das operações de sua empresa.

Basta uma simples análise de risco para ver o que pode acontecer com sua organização, colaboradores e, principalmente, clientes:

  • perda física de dados. Você pode perder o acesso imediato por motivos que vão desde inundações, até falta de energia elétrica. Isso também pode acontecer por razões mais simples, como uma falha de disco;
  • acesso não autorizado aos dados. Lembre-se de que, se você tiver informações confidenciais de clientes, muitas vezes é contratualmente responsável por protegê-las como se fossem suas;
  • intercepção de informações em trânsito. Os riscos incluem dados transmitidos entre sites da empresa ou entre a organização e os seus colaboradores, parceiros e contratados, em casa ou outros locais;
  • seus dados podem cair nas mãos de outras pessoas. Você compartilha essas informações com terceiros, incluindo contratados, parceiros e outros dados importantes? O que os protege enquanto eles estão em suas mãos ou nas de seus parceiros?;
  • corrupção de dados, intencional ou não. Isso pode modificá-los de modo que favoreçam uma parte externa ou por conta de um erro de software.

Toda empresa precisa ter um programa de investimentos em segurança

É necessário encarar a falta de segurança cibernética como um risco ao negócio e não apenas um problema de tecnologia. Assim, é preciso seguir diretrizes que ajudem a organização a atingir níveis de proteção adequados.

Deste modo, não importa o tamanho da sua empresa, ela precisa ter um plano de investimentos para garantir a segurança de seus ativos de informação.

Esse plano é responsável por todas as políticas e os processos de criação de um programa de segurança cibernética, além de fazer com que você pense de maneira holística sobre a proteção de dados de sua organização.

Em suma, um programa fornece a estrutura para manter sua empresa em um nível de segurança adequado, avaliando os riscos que você enfrenta, decidindo o que deve priorizar e planejando como ter práticas atualizadas.

Investir em segurança significa proteger sua confidencialidade, integridade e disponibilidade

Ter um programa de investimentos em segurança significa que você tomou medidas para reduzir o risco de perder dados de várias maneiras e definiu um ciclo de vida para gerenciar as informações e a tecnologia em sua organização.

Felizmente, as tecnologias de segurança cibernética estão disponíveis para empresas de diferentes tamanhos e segmentos, assim, elas se adaptam às suas realidades de negócios e ajudam a enfrentar os desafios da proteção de dados.

Como minimizar o impacto de ataques cibernéticos em empresas

Como vimos, violações de segurança podem devastar até mesmo as empresas mais resilientes.

É extremamente importante gerenciar os riscos de acordo com a natureza dos negócios antes e depois que um ataque acontece, realizar os investimentos necessários e criar um plano efetivo de proteção e resposta a incidentes cibernéticos. Uma vez que ele pode ajudar sua empresa a:

  • prevenir e reduzir o impacto de ataque virtuais;
  • relatar os incidentes às autoridades responsáveis;
  • recuperar os sistemas afetados;
  • colocar seu negócio em funcionamento no menor tempo possível.

Dessa forma vemos que realizar um investimento em segurança significa treinamentos, educação e conscientização dos usuários da sua organização de maneira contínua e, claro, aquisição de tecnologias e serviços, sempre buscando garantir a proteção de dados dos clientes e a continuidade dos negócios, possibilitando o crescimento contínuo da empresa.

Você tem dúvidas a respeito desse assunto? Nossos especialistas terão o maior prazer em respondê-las e contribuir para os seus projetos de segurança da informação.

A E-VAL Tecnologia atua há mais de 14 anos oferecendo soluções de segurança da informação para o mercado, pioneira em iniciativas no uso da certificação digital no Brasil, tais como, SPB, COMPE, Autenticação, Assinatura digital de contratos, Gerenciamento de Chaves e Proteção de dados e armazenamento de chaves criptográficas para os seguimentos de bancos, educação e indústria.

Fale conosco, os especialistas da E-VAL Tecnologia terão o maior prazer em atendê-los, contribuindo para o desenvolvimento dos seus projetos e a melhoria contínua da segurança da informação para a sua instituição.

Siga-nos nas redes sociais:
error

Gostou do blog? Compartilhe já :D